sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014

Era uma vez um ânus

Quando eu pensava que já tinha visto e ouvido muito sobre sexo, eis que um amigo me surpreende, à hora do almoço (porque não?), com o maravilhoso relato da vez em que lhe introduziram uma colher de pau no ânus. Durante o sexo. De forma consentida.

Eu sei, eu sei. Mas não fiquem preocupados. Foi o cabo.

Proponho que façamos agora um minuto de silêncio (ou vinte) pelo esfíncter do meu amigo, agradecendo ao universo por ter permitido que a concha da sopa estivesse para lavar.




10 comentários:

  1. Eu não estava presente mas ele assegura-me que sim. E sejamos honestos: não é tipo de coisa de que nos possamos gabar. "Ai e tal, uma colher de pau, sou o maior". Desde que sejam felizes...

    ResponderEliminar
  2. Como diz a do Oráculo de Bellini...não neguem à partida uma ciência que desconhecem...

    ResponderEliminar
  3. ahahah Essa da concha foi muito boa.

    Cada um faz o que quer na privacidade... ele escusa é de contar.

    ResponderEliminar
  4. Porra!

    Eu nego essa ciência que desconheço. Grande panca...

    ResponderEliminar
  5. A concha com gordura deve ter facilitado o processo, não? Isto digo eu...mas sem qualquer experiência nesse assunto:-))

    ResponderEliminar
  6. eeeeeeee o meu lanche acabou de me cair mal!!

    ResponderEliminar
  7. Deixa lá, já tive um que na praia, punha seixos no anús e depois expelia no dia seguinte. Perguntei porquê "para ver como era"...OK.

    ResponderEliminar
  8. Ahahahahahahah

    Considero-me muito open mind, especialmente referente a assuntos supostamente tabus (como sexo e outros), mas quando li isto, consegui arrebitar a sobrancelha e pensar para os meus botões, WTF???

    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Há sempre alguém disposto a levar as coisas ao nível seguinte.

      Eliminar

Sonhos